quinta-feira, 13 de março de 2014

Descaso: Moradores do Bairro Novo Sofrem

Os moradores do bairro novo em Lagoa de Dentro Sofrem com a falta de infraestrutura  além da falta de saneamento básico, as ruas estão cobertas de mato.


      

        O prefeito Fabiano da cidade de Lagoa de Dentro-PB, prometeu na última sessão ordinária de 2013 na Câmara Municipal de Lagoa de Dentro, iniciar as obras de pavimentação no Bairro Novo até janeiro de 2014, porém, já estamos em março de 2014, e nada de obras para os moradores do mencionado bairro.
         Como podemos ver nas fotos (abaixo), o que se percebe são muitos buracos, lama, entulhos e mato, muito diferente da promessa feita pelo atual prefeito.
           Esperamos que essa pavimentação seja realmente concretizada, pois, a população do Bairro Novo merece muito mais que promessas enganosas.
Fotos do Bairro Novo (março 2014)








DA REDAÇÃO 

Prefeitos têm contas aprovadas na sessão do TCE-PB



TCE-PB
tce-pb1

O Tribunal de Contas da Paraíba aprovou, na sessão plenária desta quarta-feira (12), as contas encaminhadas pelos prefeitos de Serra Branca (Eduardo José Torreão Mota, exercício de 2012) e de Boa Ventura (José Pinto Neto, 2011), conforme votos dos conselheiros Arthur Cunha Lima e Fernando Catão, relatores dos respectivos processos. O ex-prefeito de Cuitegi (Ednaldo Paulo Lino) teve a aprovação das contas de 2012, sob relatoria do auditor Oscar Mamede Santiago Melo.

Em grau de recurso, foram aprovadas as contas dos prefeitos de Gado Bravo (Austerliano Evaldo Araújo, exercício de 2010) e Alagoa Nova (Kleber Herculano de Moraes, 2011). Também, em fase recursal, as contas de 2008 do ex-prefeito de Coremas Edilson Pereira de Oliveira, processo do qual foi relator o conselheiro Umberto Porto.

Houve aprovação, ainda, às contas de 2011 da Agência de Regulação do Estado da Paraíba e às da Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana, exercício de 2012, neste último caso.

Despesas sem licitação e acima do limite constitucional, restos a pagar e não repasse de contribuições previdenciárias recolhidas do quadro de servidores levaram à reprovação das contas de 2012 apresentadas pelo ex-presidente da Câmara Municipal de Cruz do Espírito Santo Reginaldo Constantino de Lima, conforme voto do relator Arnóbio Viana contra o qual ainda cabe recurso.

Tiveram, igualmente, suas contas aprovadas pelo TCE as Câmaras Municipais de Serra Branca, São José dos Cordeiros, Camalaú, Santa Cecília, Casserengue e Pirpirituba (com ressalvas, neste caso), todas correspondentes ao exercício de 2012.

Os processos constantes da pauta de julgamentos representavam movimentação de recursos da ordem de R$ 339.665.488,57. Conduzida pelo presidente Fábio Nogueira, a sessão teve as participações dos conselheiros Umberto Porto, Arnóbio Viana, Arthur Cunha Lima, Fernando Catão e André Carlo Torres Pontes. Também, dos auditores Antonio Cláudio Silva Santos, Antonio Gomes Vieira Filho, Oscar Mamede e Renato Sérgio Santiago Melo. O Ministério Público esteve representado pela procuradora geral Elvira Samara Pereira de Oliveira.

terça-feira, 11 de março de 2014

Valdir Raupp confirma negociações para unir PT e PMDB na Paraíba

PT pode abrir mão de candidaturas em Estados para apoiar nomes do PMDB.

Num movimento para tentar reduzir a crise com o governo, o presidente interino do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), afirmou nesta segunda-feira, 10, que integrantes da cúpula do partido vão conversar na próxima quinta-feira com o presidente do PT, Rui Falcão, sobre as alianças nos Estados. Segundo Raupp, há uma possibilidade de o PT abrir mão de lançarcandidatos em até seis Estados para apoiar nomes do PMDB.
Devem participar do encontro, possivelmente em Brasília, o ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, e outros integrantes das bancadas dos dois partidos. "Por aí a gente vai avançar e vai 'distensionando' essa crise que é normal dentro da vidapública, na política", afirmou, ao admitir que um dos principais motivos da "tensão" com os petistas são as alianças regionais. Segundo Raupp, a decisão de fazer o encontro foi tomada nesta manhã, em conversa que ele teve com a presidente Dilma Rousseff.
Como revelou o Estado nesta segunda, setores da cúpula petista manobram para desestimular candidaturas próprias em ao menos cinco Estados - Goiás, Paraíba, Rio Grande do Norte, Santa Catarina e Tocantins -em favor de partidos aliados. A ideia é fortalecer a coligação em torno da candidatura da presidente Dilma Rousseff à reeleição, especialmente com o PMDB.
Segundo Raupp, a presidente se mostrou nesta manhã "aberta" às conversações quanto às alianças regionais. O presidente do PMDB frisou que, em nome da aliança nacional - o partido detém a vice com Michel Temer -, o parceiro preferencial do partido nos Estados é o PT.
"As conversas estão abertas, não podemos dinamitar as pontes. As pontes têm que sempre estar intactas para continuar avançando", afirmou. Para Raupp, em relação à tensão da bancada da Câmara, em que alguns integrantes pregam o rompimento da aliança com Dilma, o momento é de "deixar a poeira assentar, dar um tempo". Ele também disse que não crê que a crise com a Câmara chegue à bancada do Senado.
Reforma ministerial. O presidente do PMDB negou que o partido esteja fazendo uma "crise artificial" com o governo para acelerar a reforma ministerial. Segundo ele, a reforma tem "um tempo" e os ministros que são candidatos em outubro têm até 3 de abril para deixarem os cargos.
"O PMDB, como partido, não fica pleiteando (ministérios). A indicação de ministérios é de competência exclusiva da presidente da República", frisou. Raupp disse que o senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), um dos cotados para ganhar uma pasta na Esplanada dos Ministérios, só assumiria um ministério se fosse para ser uma 'solução'. "(Vital) não seria ministro para desagregar", destacou.
Da Redação (com Estadão)

Engavetamento seguido de capotamento entre quatro veículos deixa duas pessoas feridas

Dois homens de 28 e 30 anos foram socorridos por ambulâncias do Samu e do Resgate da PRF para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa


Reprodução/ Ericson
Ferido sendo acidente no local
Um engavetamento seguido de capotamento na manhã desta terça-feira (11) deixou duas pessoas feridas na BR-101, no KM 79, no sentido João Pessoa/ Natal, no trecho do município de Mamanguape, no Litoral Norte do estado. O acidente ocorreu por volta das 8h.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os veículos seguiam para o Rio Grande do Norte quando ocorreu o engavetamento. Devido à batida, dois deles capotaram, saíram da pista e ficaram no canteiro central.
Dois homens de 28 e 30 anos foram socorridos por ambulâncias do Samu e do Resgate da PRF para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa.
Eles estão passando por atendimento médico de urgência e o estado de saúde será divulgado no boletim médico ainda na manhã desta terça.
Veículos capotado na BR-101
Foto: veículos capotados na BR-101
Créditos: Reprodução/ Ericson
Vítima foi socorrida para o Trauma-JP
Foto: vítima foi socorrida para o Trauma-JP
Créditos: Reprodução/ Ericson

Partidos tratam das composições para disputa proporcional

Internet
Eleições 2014
Enquanto o PSB, PT, PMDB e PSDB estão focados na discussão da pré-candidatura ao Governo do Estado e composição da chapa majoritária (governador, vice e senador) as demais legendas, além de apoios e alianças para o Governo, já começam a se reunir na definição das composições para disputa proporcional (deputados estaduais e federais). Nesses casos, a matemática é a principal aliada para alcançar o resultado desejado.
Com cálculos feitos na ponta do lápis, algumas legendas, consideradas de médio porte, tentam fechar uma equação não muito fácil de solucionar. Além de ter que encontrar outra legenda que tenha força política e pré-candidatos com chances de se eleger, ainda resta a questão do número de votos. Muitos partidos já estão com a conta fechada e sabem até mesmo de quantos votos, ao total, necessitam para colocar na Assembleia Legislativa pelo menos cinco deputados.
Enquanto alguns correm para fechar a equação, outros caminham com mais calma e preferem ouvir as bases para saber qual o melhor caminho a seguir nas alianças para formação das chapas proporcionais. Partidos mais novos, como o Solidariedade, vão incentivar a candidatura de vereadores. A partir da confirmação dos pretensos candidatos é que a legenda vai iniciar as conversas com outras siglas.
Leia matéria completa, na edição deste domingo (09), do Jornal Correio da Paraíba.  

quarta-feira, 5 de março de 2014

PT da Paraíba fica fora da lista dos estados que terão candidato a governador Na lista

Divulgação
Nadja Palitot
Pelo menos por enquanto, o PT da Paraíba não consta na lista dos estados brasileiros que terão candidatura própria a governador.
A coluna "Panorama Político", assinada pelo jornalista Ilimar Franco, no Jornal O Globo, traz a lista dos onze estados que o PT terão candidato ao Governo. Na lista, o PT Paraíba, que tem a pré-candidatura da advogada Nadja Palitot, foi esquecido.
Segundo a publicação, o PT vai enquadrar as direções regionais em 20 de março. As candidaturas que serão oficializadas serão as de: Tarso Genro (RS), Alexandra Padilha (SP), Gleisi Hoffmann (PR), Lindbergh Farias (RJ), Fernando Pimentel (MG), Delcídio Amaral (MS), Agnelo Queiroz (DF), Tião Viana (AC), Angela Portela (RO), Wellington Dias (PI) e Rui Costa (BA).

Acidente grave na PB-400 mata um e fere coronel da PM, no Sertão

Reprodução/Diário do Sertão
Equipe do Samu socorrendo o coronel da PM
Um grave acidente na PB 400 no município de Cajazeiras (a 409 quilômetros de João Pessoa e localizado no Sertão do Estado), matou uma pessoa e deixou um coronel da Polícia Militar ferido, na noite desta terça-feira (5). O acidente aconteceu próximo a empresa Catex.
De acordo com informações da polícia, um Fiat Palio invadiu a pista contrária e atingiu um carro importado. O vendedor João Inácio da Silva, 66 anos, que era motorista do Palio, não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
Já o coronel Botelho, que dirigia um veículo importado, saiu ferido e foi socorrido para o Hospital Regional de Cajazeiras, por uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência. Segundo a assessoria da unidade hospitalar, ele não corre risco de morte.
A polícia trabalha com possibilidade do idoso ter cochilado no volante, por isso, invadiu a contramão.